Cod. SIMP012 - RESUMO


Título: GRAMÁTICA COMO INSTRUMENTO LINGUÍSTICO: MEMÓRIA E DISCURSO.

Coordenadores/Instituições:
Marli Quadros Leite (USP/CNPq)
Maria Mercedes Saraiva Hackerott (GT USP)
Raquel do Nascimento Marques (Pós-graduação USP)

Resumo: A gramática, bem como os dicionários, são instrumentos linguísticos (Auroux, 1998) a que os falantes recorrem quando precisam de esclarecimentos sobre certos usos linguísticos, pois neles estão reunidos tanto saberes sobre a língua quanto a descrição de fatos linguísticos, o que pode ajudar os falantes a solucionar dúvidas sobre a formulação linguística de seu texto (oral ou escrito). Além disso, a gramática é um repositório do conhecimento construído sobre as línguas históricas, isto é, guarda a memória do que se construiu sobre a língua na longa duração do tempo. São, também, instrumentos culturais, uma vez que traz, pelo discurso do gramático, e pelos exemplos de que faz uso, a história de um tempo, revelando valores, teorias e filosofias que vigoraram em dado momento. No seminário proposto serão apresentadas e discutidas pesquisas que tratam da história da gramática, das ideias linguísticas e do discurso nela contidos.

Palavras-chave: História das ideias linguísticas; Gramática; Discurso.